5 de setembro de 2010

ConVERSO


E o corpo com senha
O que será que tenta me dizer?
E lá fui eu rabiscando afagos na ponta dos dedos
Devorando minha própria fome
Matando as vontades que eu morro de ter.

19 comentários soprados.:

Marcelo Novaes disse...

Angélica,



O cofre se abriu ante a destreza dos dedos. As senhas, se acham. Com tato.






Um beijo.

Cantinho She disse...

...profundo... adorei... bjo, bjo!

Franck disse...

decifra-me ou te devoro... não?

naomefazpensar disse...

Lembrei-me de Budapeste. Já leu?

Refúgio da Alma disse...

E que tenha sido realmente doce.

Um beijo.

Francisco de Sousa Vieira Filho disse...

Angélica, genial - devo dizer! Bela comVERSÃO... :D Suave, leve, mágico e preciso no que se quer dizer... com a ponta dos dedos se lê afagos de lambê-los... ;)

Emili disse...

Que seja doce!
Tão doce quanto a sensação de ler teu leve e belo verso.
Maravilhoso!
Cheiros

HSLO disse...

Bravo!

Pistoleiro Corvo disse...

O corpo e alma nos dizem muitas coisas..
E ás vezes, é FODA de entender.
Desculpe a palavra, mas é a única que me vem na cabeça.
ahhahahah!

Obrigado pelo comentário... é, tenho um amor enorme pela minha querida amiga...
O outro amor eu guardo para aquela que será dona do meu coração. Agora quando e quem, essa é a questão!

Abraços!

Jacson Faller disse...

"Devorando minha própria fome
Matando as vontades que eu morro de ter".

afonso rocha disse...

É bom. Muito bom. Rabiscar afagos...com a ponta dos dedos.
Em corpo nu. A pele. O cheiro.
Que os rabiscos...se transformem em escrita pura e doce em teu interior.
Tens uma alma bonita, moça!
Obrigado pela tua visita. Vim retribuir...e vou te seguir.
Amei os teus pequeninos textos...mas grandiosos no SENTIR!!!
Beijo

Chica disse...

Lindo e o corpo fala, basta saber as senhas...e ouvir!beijos,chica e linda semana!

olhar disse...

Amei conhecer seu blog!!Lindo demais !Gostei de como você se descreve!Passarei a lhe seguir!
E lhe convido a conhecer a minha casinha, onde lá, só vale se OLHAR DENTRO DOS OLHOS...beijos com carinho,

Bia

olhar disse...

*Passo a lhe seguir...

Domingos Barroso disse...

Por tanta sensibilidade
basta o olhar do toque:
flores, tecidos e tendões
desnudam-se

carinhoso beijo.

Pérola Anjos disse...

Pergunte ao teu coração e a tua alma! Talvez eles possam dar as dicas, talvez decodifiquem o que te devora. Apenas talvez...

Tuas palavras encantam sempre!

Beijos!

Juan Moravagine Carneiro disse...

bela escalada...

Lara Amaral disse...

Nossa, que lindo! Deliciou-me isso aqui.

Beijo.

Jorge Pimenta disse...

"devorando minha própria fome
matando as vontades que eu morro de ter".
o tempo gerundivo é a essência: no que toca à satisfação plena, tudo é construção lenta, morosa, tantas vezes arrastada. qualquer conquista é já a chegada a marte!
um beijinho!
texto de mensagem e beleza arrepiantes!

Postar um comentário

"Se tudo passa, talvez você passe por aqui..."