28 de maio de 2011

Já era hora.



No dia em que eu fui embora, não levei a chave, não deixei bilhete. Não houve despedida, foi melhor assim. Pra que dizer o quanto foi bom ou o tanto que feriu à você e a mim. No dia em que fui embora, não houve poesia, música, ou flor. Quando parti, fui sem escolha, por necessidade. Quando fui embora, não houve abraço, nem tchau. Ir embora é mais difícil do que pensamos, é estranho. É na verdade, bem mais profundo do que se retirar. Ir embora, é não voltar.

10 comentários soprados.:

Michele P. disse...

Angélica

Partir pressupõe abrir mão daquilo que já não faz mais sentido. É doloroso, mas é preciso.
Texto maravilhoso, repleto de sentidos.
Escrevi, pensando nele:
Paridas as partidas, ficam as partes, as idas, as vidas e vindas.

Um abraço

Renata Oliveira :D disse...

Vê se te alimenta e não pensa que eu fui por não te amar. !

lembrei dessa musica, lindo agr amr ! <3

Nelson Souzza disse...

Obrigado pela visitinha ao meu blog, Angélica! Desejo-lhe um excelente domingo. Apareça sempre que puder. Eu, com certeza, estarei sempre aqui. Um abraço, amiga!

Hugo Dorta disse...

Que lindo isso...

Pedro Pan disse...

, voltar e ir. chegar as vezes é tão difícil quanto partir. mas as vezes partir é bem melhor, e necessário.
, agradecido pela visita em quimeras. volte quando desejar.
, beijos meus.

Fabrício Franco disse...

Angélica,

Vezes há que ir embora é tão libertador que o não voltar simplesmente acontece, como respirar.

Beijo!

Brasil Desnudo disse...

Bom dia Angélica!

Obrigado pela visita lá no Desnudo e por estar seguindo-o.

As vezes é tão difícil chegar, conquistar, ter a confiança!
Mais difícil realmente é saber que vamos embora, onde perdemos a confiança, a amizade e o Amor que sentíamos antes.

Um ótimo dia pra ti, de muita paz e amor no coração.

Marcio RJ

Phalador disse...

"Ir embora é não voltar" Parece simples né? mas é tão complicado.

Denise Portes disse...

Angélica,
Sabe que eu acho que ir embora além de um ato de coragem nos ensina a juntar cacos, criar histórias e principalmente a entender que nessa vida TUDO passa.
Eu adoro suas palavras, seus textos, fico muito tempo passeando por aqui quando venho te visitar.
Um beijo
Denise

Milene R. F. S. disse...

Ir embora é uma das coisas mais dificeis de se fazer que eu conheço... é preciso se desapegar por dentro também, para depois fazer isso por fora... abraços.

Postar um comentário

"Se tudo passa, talvez você passe por aqui..."