8 de janeiro de 2011

Vinco



Escrevi no traço
um compasso
um amasso
amassado no papel
o não cingido
o véu.
Uma sentença
uma crença
que cresce
no ato
no contato
um tanto de tato
ensolarado de cobiça
incersão de cena
poema com dobradiça.

11 comentários soprados.:

gabyshiffer disse...

Lindo...

Vim lhe desejar bom findi
:)
"Que o caminho seja brando a teus pés,
O vento sopre leve em teus ombros,
Que o sol brilhe cálido sobre tua face,
As chuvas caiam serenas em teus campos,
E, até que de novo eu te veja,
Que Deus te guarde na palma da mão. "

(Benção Irlandesa)

Beijos na alma!

Fred Caju disse...

Impressionante! Dá ara ficar viciado relendo-o...

Tiago Moralles disse...

Poema com dobradiça é aquele que dobra nossos corações.

Assis Freitas disse...

as aliterações bailam,


beijo

Priscilla Cavazzotto disse...

Olá!
Adorei seu cantinho e agora te sigo!
Beijos meus!
Uma ótima semana pra ti!

Olavo disse...

Uma sentença...uma crença
dois viveres
Beijos..otima semana

Paulo Becare Henrique disse...

Os vincos são o troféu de uma vida bem vivida. Ou de uma poesia bem "poetizada".

Tatiana disse...

Muito lindo!

Tenha uma ótima semana!

Beijos

wcastanheira disse...

Uma ótima idéia é passear por aqui, vc sempre oferece estas delicias de pensamentos, pra vc bjos, bjos e bjossssssss

KINHA disse...

Olá Angélica

Vim conhecer seu espaço e confesso que gostei muito. Já estou seguindo. Vou aguardar sua visita e ficarei feliz se me seguir também. Quem sabe vc será minha seguidora de número 3 mil!

Bjooooooooooooo..............

http://amigadamoda.blogspot.com

Mari Amorim disse...

Gostei de vir aqui e ler-te,saio feliz!
Desejo que seus dias,sejam iluminados pela essência Divina,com Boas Energias Sempre!
Abraços
Mari

Postar um comentário

"Se tudo passa, talvez você passe por aqui..."