29 de outubro de 2010

Palavras fechadas.



Hoje lacraram-me as palavras.


Uma tristeza (que me seguiu)
até o ponto final.

7 comentários soprados.:

Melbilis disse...

Angélica Lins,
Adorável seu espaço.Do blog da Encantadora de Abelhas voei direto para cá.Que concisão!
Lendo seu perfil muito me admirei e me identifiquei com vários aspectos de seu ser.Que, no final das contas é uma parte de mim, isso eu sei.Refletir nos faz bem com um papel e lápis na mão.Melhor do que caneta, pois natural é e sendo assim inspira-ções da pira do nosso coração nos vem mais facilmente até pe-garmos no tranco e tal qual agora faço, teclando, pois também
gosto de dirigir e aqui o trânsito é veloz.
Que ótima sensação chegar ao ponto final e daí em frente outro
dia verei.
Saudações fraternais!
Beijos de mel com ♥

Colecionadora de Silêncios disse...

Angélica, vc escreve lindamente.
É doce o seu jeito de por em palavras os seus sentimentos.
Perfeito!

Beijos, querida.

Pablo Rocha disse...

Espero que tenha sido o ponto final da tristeza de hoje. Vez ou outra ela também me persegue.

Beijos!

Rosangela disse...

Que volte a escandalizar a alegria!
Bjs poéticos!

Melbilis disse...

Eita coisa boa esse tráfego intenso de Luzes, reluzindo em nossa alma com a troca de carinho.Você é psicóloga e minha formação é Engenharia Química.Não exerci a profissão e na minha
busca fui trabalhar com as mãos e há dez anos assim fazendo, buscando me autoconhecer, conheci a antroposofia há mais de
vinte e nunca mais parei e vou me aprofundando feito igual ao acontecimento no Chile.
Um furo no meu coração eu fiz, essa pedra que um dia minha mãe
pediu para eu ouvir e como tudo tem hora muita água vai rolar debaixo de minha alma.
Amei seu comentário. Vim voando comentar o comentado e juntos
de mãos dadas vamos caminhando, sorridentemente e cantando as
coisas do nosso coração.
Ah, um paralelo: Adoro psicologia ocultista, donde deriva a psicologia moderna, fruto da Sabedoria Iniciática das Idades,
Sudadharma Mandalan, da Grande Fraternidade Branca.Nome pomposo
e Verdadeiramente Maravilhoso.
Água mole em pedra dura, tanto bate até que fura.E exatamente
hoje tive tal compreensão e alcance.
Aperta o cinto pois iremos voar juntos daqui por diante.
Beijos de mel com ♥

Hugo Dorta disse...

Nossa belas palavras, simples mais perfeitas!
Adorei seu blog!

Mundo Colorido disse...

Algumas poesias sao ultra romanticas a sua e ultra sensivel... amei tudo que ja li aqui...bjos

Postar um comentário

"Se tudo passa, talvez você passe por aqui..."