15 de outubro de 2010

Classificando 2

Dengo:   1. faceirice da alma; 2. pedido de beijo disfarçado de bico; 3. olhos escritos com piscadas manhosas; 4. cafuné subentendido; 5. persuasão sem chance de falha; 6. charminho da nossa criança; 7. peculiaridade do chamego; 8. antônimo da grosseria; 9. vontade de colo; 10. comprovação de que o corpo fala.

11 comentários soprados.:

Bdarkest disse...

Nossa, quanta coisa bonita andei perdendo por esses tempos em que tentei encontrar motivos para continuar viva. Tu continua escrevendo coisas belas, cada vez mais.
Saudades.
Esteja bem, muita paz

Solange disse...

prá mim a definição de dengo é : preciso disso !


adorei :)

beijo

Franck disse...

Eu quero todos esses dengos...
Bom fim de semana!

e.deamici disse...

Eu quero!!

Refúgio da Alma disse...

11. Entregue-se de corpo e alma, pois aposto que serás correspondida.

Beijos.

Pérola Anjos disse...

E tem coisa mais gostosa que um bom denguinho de quem a gente ama?!

Lindas definições!

Beijos, flor!

Baerdal disse...

Que refugio perfeito para inebriar-se de tão belas palavras.

Parabéns.

Abraço de Baerdal

Talles Azigon disse...

ai eu amo amo amo essa palavra e amei todas vossas classificações
ei vamos fazer no dia 15 de novembro o dia do grito viva a poesia lá no orkut proclamando a república dos sonhos então precisamos de seguidores @diadogrito todos, tem possibilidade de um post especial sobre o evento? você tem um público muito grande e seria uma grande honra compartilhar isso com você. todos os que publicarem sobre o dias serão linkados e twittados lá no @diadogrito e os que seguirem e twittar poemas, poesias e afins serão retuwitados ^^ é uma grande corrente para não deixar a poesia morrer^^ Espero Respostas ^^

poetik disse...

e porque ser criança eternamente é um dom de poucos, bem que merecem um colo...

kiss

Daniella Ockner disse...

Quase me perco no carinho que expressam essas palavras! Uma descrição muito linda e rica em calor!
Um beijo

Fernando Vargas Vieira disse...

Que a vida seja assim, infinitamente recheadas de de dengos, todo eles.

Postar um comentário

"Se tudo passa, talvez você passe por aqui..."